Exército Do Qatar Abre Vagas Para Novos Professores De Jiu Jitsu

 Jiu Jitsu deixou de ser só esporte e como arte marcial abre inúmeras oportunidade no mundo inteiro.


  A Arte marcial do jiu jitsu segue se difundindo pelo mundo, prova disso é o fato de países do Oriente Médio seguem contratando  profissionais da arte suave. 

 O primeiro deles a contratar os serviçoes dos professores foram os Emirados árabes, mais precisamente Abu Dhabi, cidade que virou capital da arte suave no oriente.



    Agora é a vez do Qatar, mais um rico país petroleiro que se encantou pela arte marcial e vai introduzi-lo em suas Forças Armadas, onde cerca de 30 brasileiros faixas-preta já ensinam a modalidade.

   Fazendo planos para obter maior conhecimento do esporte, o país sede da próxima Copa do Mundo de Futebol em 2022, abriu um processo seletivo para novos faixas pretas terem a oportunidade de lecionar aulas de Jiu Jitsu.

  O diretor do projeto que importa a modalidade para o país, faixa preta Fabrício Moreira,  organiza o direcionamento  do Jiu-Jitsu no país da Península Arábica.

 Após uma análise dos currículos, existe uma seleção física para escolher os novos professores 

  O candidato que deseja uma das vagas devem ser  faixa-preta e necessita ter o diploma reconhecido da Confederação Brasileira de Jiu-Jitsu (CBJJ), estar apto a falar em inglês, ser maior de 18 anos, entre outros requisitos para se lecionar no Catar. 

 incluindo seu currículo em inglês!



Postar um comentário

0 Comentários